Odontopediatria

Sabe como higienizar a escova de dentes do seu bebé? E quando deve trocar a escova de dentes por uma nova?

A partir do momento em que nasce o primeiro dente do seu bebé, deve começar a escovagem com uma escova de dentes de cerdas suaves e de tamanho adequado à idade do bebé.
É importante que a escovagem seja realizada com pasta com 1.000 ppm de flúor pelo menos 2 vezes por dia, em que a escovagem da noite é realizada após o último momento de alimentação do bebé.

Mas como uma boa higiene oral requer um cuidado especial com o estado dos instrumentos que são utilizados, é preciso saber como deve higienizar e manter a escova de dentes do seu bebé.

  • Após cada escovagem deve lavar a escova em água corrente abundantemente, evitando passar os seus dedos sob as cerdas.
  • Não deve utilizar toalha para secar a escova. Pode utilizar um bocado de papel absorvente ou apenas eliminar o excesso de água batendo com o cabo da escova no lavatório.
  • Opcionalmente pode borrifar as cerdas da escova com um antisséptico oral (ex: solução clorexidina 0,12%), de forma a promover a sua desinfeção.
  • Antes de guardar a escova num local preferencialmente seco e arejado, deve deixá-la escorrer com as cerdas voltadas para baixo cerca de 5 minutos.
  • A escova de cada elemento da família deve ser guardada separadamente, e não em contacto direto com outras escovas, para que não haja contaminação de microrganismos. Idealmente cada um deve ter o seu copo para colocar a escova.

Não é recomendada a utilização de tampas ou capas protetoras para guardar a escova, uma vez que estas promovem um ambiente húmido, que favorece o desenvolvimento de microrganismos.

A escova deve ser trocada periodicamente (idealmente de 3 em 3 meses), uma vez que uma
escova desgastada, que apresente as cerdas desalinhadas, perde bastante a sua eficácia.
Em crianças que mordem a escova ou fazem a escovagem com mais força, pode ser aconselhada
a sua troca com maior frequência.

Além disso, passado algum tempo podem multiplicar-se consideravelmente microrganismos nas cerdas da escova, nomeadamente bactérias, fungos e vírus.
Por essa mesma razão, quando o seu filho adoece, também deve trocar a escova de dentes, de forma a evitar prolongar a presença desses seres patogénicos no seu organismo, podendo aumentar o período de doença ou mesmo provocar recaídas.
Quando comprar a nova escova certifique-se que tem o tamanho adequado à idade do seu filho e que tem as cerdas suaves/macias. Pode guiar-se pela idade indicativa que está no rótulo da embalagem da escova.

Partilhar

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.