Terapia da Fala

O desenvolvimento da linguagem dos 0 aos 24 meses

Quem lê este título é provável que pense: “Linguagem aos 0 meses?” Sim. É verdade. A aquisição da linguagem começa ainda no útero da mãe. “A sério? Mas como assim?”

Vamos lá explicar de uma forma simples: durante a gestação o bebé vai captando a voz da mãe, do pai e das pessoas mais próximas da mãe. É neste momento que tem o primeiro contacto com os sons da fala, a melodia de uma música, a entoação que damos quando falamos…Daí estar comprovado que os bebés ainda na barriga das mamãs acalmam quando principalmente a mãe fala com eles, lhes canta uma música ou lhes conta uma história.

Estudos mais recentes referem ainda que o bebé pouco antes de nascer (falando de bebés de termo) já conseguem diferenciar a língua materna de outras línguas. Super interessante não é?

Então, mas o que é isto da linguagem?

Linguagem é definida como um conjunto de símbolos que servem para comunicar seja de forma verbal (através da fala), não-verbal (por exemplo através de gestos, expressões faciais) ou escrita. E, todas estas formas nos permitem compreender uma quantidade imensa de mensagens.

Para que haja um desenvolvimento da linguagem adequado, o bebé deverá apresentar uma audição preservada (daí ser tão importante o rastreio auditivo à nascença), um desenvolvimento cognitivo expectável e um aparelho fonador íntegro para a produção da fala.

Sendo assim…

O que é que acontece em cada etapa?

Dos 0 aos 2 mesesO bebé comunica com o mundo apenas através do choro e apenas para garantir as suas necessidades básicas. O sorriso que aqui apresenta é meramente reflexo.
Dos 2 aos 4 mesesPassa a emitir algumas vocalizações, alguns gritos e o seu sorriso já acontece de forma interativa. Começa nesta fase a interessar-se pelo que ouve à sua volta.
Dos 4 aos 6 mesesBrinca com os sons (fase do balbucio) e dá-lhe várias entoações e intensidades. É nesta fase que produz repetidamente consoantes e vogais como por exemplo “ma – ma – ma”, o que normalmente é confundido como sendo a 1ª palavra do bebé (mamã).
Dos 6 aos 8 mesesProduz vogais e consoantes de forma sequencial, mas ainda sem sentido. Reconhece o seu nome e responde (olhando por exemplo) quando é chamado. Mas atenção! Pode ainda não ser consistente!
Dos 8 aos 12 mesesCompreende cada vez mais e melhor a mensagem que nós adultos lhe transmitimos (já identifica alguns objetos que lhe são familiares) e a linguagem não-verbal despoleta de forma mais significativa com o dizer “xau” com a mão, dizer “não” com o abanar da cabeça… Passa também a ser mais frequente a produção dos sons “b”, “p” e “m” em sílabas. Já reconhece o nome.
Dos 12 aos 18 mesesAqui pode surgir a primeira palavra com significado! A compreensão da linguagem está cada vez mais aprimorada.
Dos 18 meses aos 24 mesesComeça a desenvolver cada vez mais o seu vocabulário, ficando mais rico e pode começar a emitir umas pequenas frases (ainda que pouco compreensíveis para o adulto).

Atenção!

Cada bebé é um bebé e tem o seu padrão de desenvolvimento. É de facto importante sabermos que existe uma tabela ou um padrão pelo qual nos podemos auxiliar e ir percebendo se há algum sinal de alerta mas… nada de alarmismos. Sempre que haja alguma dúvida é contactar o pediatra ou o terapeuta da fala para que vos possa esclarecer da melhor forma.

Dica da TF!

Falem muito muito com os vossos bebés estejam eles ainda na barriga ou já cá fora e cantem para eles. Não pensem que eles não vos reconhecem ou que não se irão lembrar, porque vão! E vocês também vão ficar surpreendidos! Uma boa opção, mesmo para eles relaxarem será cantarem uma música que costumassem cantar na gravidez para eles. Aproveitem ainda todos os momentos do dia para interagirem com os vossos bebés pondo-os sempre a par de tudo o que vai acontecendo, dizendo o nome das coisas, lendo histórias, cantando… Vale tudo!

Posto tudo isto, quais os sinais de alarme para procurar ajuda?

Fiquem por esse lado e muito em breve irei aqui deixar toda a informação necessária!

Se tiverem alguma questão ou gostassem de ver alguma dúvida esclarecida, não hesitem em contactar. Terei todo o gosto e ajudar!

Partilhar

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.